• Direção: Mike Nichols
• Roteiro: Patrick Marber, Patrick Marber
• Gênero: Drama, Romance
• Origem: Estados Unidos
• Duração: 100 minutos
• Tipo: Longa-metragem

Download

Antes de escrever um breve review sobre “Closer”, aviso que possivelmente seja um pouco mais pessoal devido à questões pessoais.

Romântico porém dramático, maduro, realista, verdadeiro e imprevisível. A combinação de um roteiro excelente, com Jude Law, Julia Roberts, Clive Owen e Natalie Portman, faz desse filme uma grande obra dramática dirigida por Mike Nichols. Realista à ponto de chocar corações com personagens bem caracterizados e ao mesmo intrigantes, marcados com um enredo eloquente, fazem os expectadores ficarem presos durante todo filme. Além de ótimo roteiro, excelente enredo e atores bons, contamos com uma trilha-sonora de Damien Rice que marca o filme desde o ínicio. Além de tudo isso, temos frases marcantes de pura dramaturgia, dialógos bem elaborados e claro….beleza.. (Algumas cenas da Natalie Portman são notáveis…)

Partindo para a questão filosófica do filme:

O que faz esse filme ser notável e digno de cinemacultura? e cafémúsicaefilosofia?Além de todos os tópicos abordados à cima, contamos com uma das questões mais complexas do ser humano, o relacionamento entre os seres humanos,o compromisso, a individualidade, o egoísmo e principalmente o amor. Temos no filme quatro personagens, cada um com uma personalidade marcante, envolvendo situações comuns do amor, que qualquer pessoa que se apaixonou,ou amou pode facilmente ter passado por situações semelhantes à do filme, por isso, ver “Closer” pode ser marcante. Trágico de certo modo, poético, realista, tanto faz, sabemos que amor é uma questão de grande empiria e de ampla visão. Não só o amor, como outros temas desse filme são abordados, como a questão filosófica da verdade, a questão das necessidades humanas, etc.

O longa foi indicado à uma série de prêmios e ganhou alguns, vale destacar para a indicação à globo de ouro de melhor filme, melhor direção, melhor roteiro.

Closer é um daqueles filmes que provavelmente vai ficar “remoendo” no seu cérebro.

Temos algumas frases do filme:

“Porquê sem a verdade, nós somos animais.”

“Todos nós adoramos uma boa mentira.”

Me pergunto, se a realidade é como dizia o filósofo Spinoza: A essência do ser humano é o desejo?


www.twitter.com/ogataogara

@ogataogara

About this blog

Blog formado por estudantes abordando temas culturais como cinema, filosofia, música, tecnologia, arte, etc.

Labels

Que tipo de posts mais te interessa ?

Que tipo de filme você mais gosta ?

Search

Blog archive

Google+ Badge

Popular Posts

Ocorreu um erro neste gadget

Blog Archive