Mais um drama excelente. Na verdade um drama meio cult e ao mesmo tempo meio nada cult. Fish Tank é um drama que mostra a história de uma garota que passa por vários problemas comuns da juventude inglesa. O Filme é cheio de metáforas. Não vou contar muito sobre o filme, pois, irá estragar o drama.
O filme foi até que bem conceituado.
Expressa o real, a vida.

A vida de uma garota com vários problemas é mudado com o surgimento de um suposto ''padrasto''.

Não é um filme que veria de novo, mas é um filme interessante.


'' A vida é um dança''
Sem muita enrolação, vamos ao trailer:


Grandes Voltas


O sistema inteiro em que vivemos perfura a idéia de que somos impotentes, fracos, que a sociedade é má, errada, cheia de crime, que Deus não existe ( ou que existe fortemente) e daí por diante.

É tudo uma grande mentira. Somos poderosos, lindos e extraordinários. Não há nenhuma razão para não percebermos quem realmente nós somos e para onde vamos. Não há nenhuma razão para um indivíduo normal não ser realmente forte. Nós somos seres extremamente poderosos.

“Passei boa parte da minha vida (arrisco dizer toda a vida), como qualquer pessoa, tentando ser alguma coisa. Tentava ser bom nas coisas, basquete, ir bem nas matérias da escola, tirar notas boas. Tudo nessa perspectiva. Eu podia não ser o cara bonitão, o playboy pegador, mas se eu fosse bem nas coisas... Mas aí que as coisas estão erradas. É exatamente o contrário que devemos fazer. Deveria tentar no fundo saber quem realmente eu era.”

Na nossa cultura, fomos treinados para que seres individuais se destacassem. Olhamos para uma pessoa e naquele momento já percebemos se é mais esperta, mais burra, mais velha, mais nova, mais rica, mais pobre, e fazemos todas essas distinções dimensionais, colocamos em categorias e à tratamos daquele jeito. E assim chegamos a um ponto em que só se vê os outros separados de nós, separados na categoria deles. Agora uma das características da experiência, da sabedoria, é estar com outra pessoa e de repente ver os jeitos que elas são como nós e não diferente de nós, e então notar que o que é essência em mim é essência no outro, é tudo uma coisa só. Sabedoria é compreender que não há um outro, há apenas um só,

Eu não nasci Guilherme Marthe, nasci apenas um ser humano. E só depois aprendi essa história de quem sou eu, bom ou mau, vou conseguir ou não. Tudo isso é aprendido no caminho.

When the Power of Love overcomes the Love of power, the world will know peace. (Jimi Hendrix)

A vida é como uma volta numa montanha russa. Quando está nele acha tudo lindo, divertido e acha que tudo é real. Isso devido á quão poderosas são nossas mentes. Nessa volta existem altos e baixos, curvas perigosas, emoções á flor da pele. Você olha e vê tudo borrado devido a velocidade, corres vivas e brilhos intensos, mais fortes emoções. Tem muito barulho, e é super divertido por um tempo.

Assim, alguns que viajam a mais tempo começam questionar: Será que isso tudo é real, ou será que é só uma voltinha? E assim algumas pessoas nos lembram viram para nós e nos dizem:

“Relaxa cara, é só uma voltinha! Não é pra ficar com medo, nunca! Porque tudo é só uma voltinha!!”

E nós matamos essas pessoas! (Lennon, Gandhi, Hendrix, Morrison, Luther King)

“Cala a boca desse idiota!!! Eu investi muito nessa voltinha, nessa viajem. Cala a boca dele!! Olha como eu estou estressado, olha a minha conta bancária, olha a minha família!!! Tudo isso TEM que ser real!!”

É só uma voltinha.

Mas já reparou que nós tentamos matar essas pessoas que nos dizem que tudo é uma voltinha. Deixamos seus próprios demônios acabarem com elas.

Mas lembrem-se que é só uma voltinha. E podemos mudá-la quando quisermos.

É apenas uma escolha.

Sem esforço, sem trabalho, sem profissão, sem poupanças, sem economias.

Só uma escolha agora mesmo.

Entre o medo,

E o amor.


''Ahhh, como a vida é engraçada.
Completa de sentimentos... Sentimentos que nos levam para o abismo ou para a glória.

Dias que nos fazem sermos vitoriosos, outros nos fazem ser perdedores.
O que você vai ser hoje ?
Ser perdedor, pode ser frustrante. Mas perder tem suas vantagens, não é mesmo?

O engraçado de tudo é que eu não sei a resposta para todas as perguntas, e não sei também a razão dessas perguntas e não tenho tantas perguntas. Que sou ignorante em vários requisitos, todos sabem, mas admitir a ignorância não é algo arrogante em certo sentido? ou, estais eu dormindo nesse mundo das ideias ?

Economista... Ahhhh.. grandes estudos... Tudo, tudo e tudo para descobrir que o único investimento que não falha é a bondade e que na verdade, como dizia Marx e Aristóteles, a felicidade não está nos bens exteriores..

Com grande esforço é que se faz bons homens, não é mesmo? Ou não ? Concerteza a estupidez humana é infinita

Muitas vezes, não concordo com o que os outros dizem, mas defendo a liberdade de expressão com ossos e dentes, mas convenhamos, todo ser humano pode ter infinita estupidez...

Um filosofo muito esperto, Voltaire, uma vez me disse : Devemos julgar um homem mais pelas suas perguntas que pelas respostas. Mas se o maldito, não tem tempo pra pensar se ele só trabalha e é influencionado pela mídia, então...

Vem Platão, garoto sagaz e me diz: Uma vida não questionada é uma vida não vivida...

Ah... Filósofos... nada mais que perturbações para os normais...

Será que um dia, iremos acordar e perceber que os ''normais'' de hoje em dia serão poucos ? e então o diferente será o normal ?

Porque rico rouba pobre, se ele já tem? nunca entendi isso... não sei explicar o por quê disso... é fácil explicar a razão do pobre roubar do rico..
instinto humano ? Sei lá.. como disse, não passo de um ignorante arrojado e arrogante...

Se tudo não passa de uma ilusão e se a realidade é uma ilusão, falhar ou vencer não faz sentido. Tudo é criado pelo homem...

Será que a vida ''normal'' é tão boa assim ?

Defina você mesmo o que é ser Normal.

Já paro pra imaginar o que seria da vida, se fossemos imortais ?

Grandes dias não só são feitos de vitórias, também podem ser feitos de derrotas, pois, é na derrota que você reflecte mais. Se você vence a batalha, você fica feliz e comemora, se você perde, você procura seus erros e se você acha seus erros, talvez seja é um passo pra você não perder da próxima vez. Se tiver uma próxima vez.''

FELIPE OGATA- Direitos reservados








Estava com uma preguiça ENORME em postar sobre essa banda. Simplesmente por hoje ser feriado e pois eu sou preguiçoso mesmo...
Mas essa banda me surpreendeu. Um indie como qualquer outro, mas com hamornia e com umas letras excelentes, fazem dessa banda, uma a qual eu possa postar no blog.
Como o nome da banda é um nome de uma música do Led, é complicado achar sobre a bibliografia deles, apesar de ter achado em um outro blog que gosto muito, prefiro não copiar deles, apenas dizer que são de NY.

Algumas músicas deles


Essa eu gosto bastante





Cantora e pianista Fiona Apple, me surpreeendeu muito quando ouvi um pouco do som dela. Um jazz gostoso e ótimo pra ouvir em qualquer hora! lá vai a dica!
Fiona Apple



About this blog

Blog formado por estudantes abordando temas culturais como cinema, filosofia, música, tecnologia, arte, etc.

Labels

Que tipo de posts mais te interessa ?

Que tipo de filme você mais gosta ?

Search

Blog archive

Google+ Badge

Popular Posts

Ocorreu um erro neste gadget

Blog Archive