Mais um filme inusitado nacional, com uma filosofia engasgada endógena. O cheiro do ralo é um filme dirigido por Heitor Dhalia, com Selton Mello, e com a ''bunda'' maravilhosa de Paula Braun.
Para quem entende de economia, o filme pode ser bem interessante, basicamente um filme de negociação, mas que no fundo, tem-se, a teoria marxista fetichista.Além de explorar campos da filosofia, na questão da natureza humana, o diretor, roteirista soube colocar pontos de psicologia e principalmente o fetiche, teoria elaborada pelo Marx, futuramente aprofundada pelo Adorno da escola de Frankfurt.
Mas, mesmo que você não entenda absolutamente nada de Marx, ou filosofia, o filme continua sendo muito surpreendente para aqueles que amam cinema, e o mais interessante de tudo é o fato que o filme é nacional.
A trilha sonora do filme também é relevante, sem contar que a Selton Mello é um ótimo ator.
Esse filme é um filme para se ver sozinho, para poder pensar, nada de ver com uma turma unida, ou com namorada, não dá certo (acredite, quando ver você vai entender)

1 comentários:

Mira... La vida es dura...

About this blog

Blog formado por estudantes abordando temas culturais como cinema, filosofia, música, tecnologia, arte, etc.

Labels

Que tipo de posts mais te interessa ?

Que tipo de filme você mais gosta ?

Search

Blog archive

Google+ Badge

Popular Posts

Ocorreu um erro neste gadget

Blog Archive